A Condessa

Comentarios

Como "Filhos da Senzala" [resenha aqui]"A Condessa de Assis" me pegou de jeito, assim que me deparei com sua capa sinopse [e título rsrs]. Romances históricos estão cada vez mais subindo no meu conceito e seria quase que inevitável passarem despercebidos por mim. Como dito na resenha, os prazeres de um romance histórico podem despertar inúmeras sensações para quem lê. Adquirimos uma riqueza em sabedoria ao explorar um mundo que nossa história viveu no passado e, através das mesmas, somos tomados por reflexões [mesmo que a história seja fictícia, como é o caso do livro de João Paulo Foschi].

Os comentários do livro, geralmente positivos, entonam a beleza de uma obra que instiga e ao mesmo tempo deixa uma marca ao leitor que a acompanha. Seu começo é caracterizado como instigante e a leitura segue um ritmo bem fluido ao longo das páginas, fazendo com que o leitor se encante com a história de amor entre uma moça de beleza extraordinária e um cavalheiro galanteador, em pleno século XIX, no Rio de Janeiro.

O livro relata a história da jovem Lorena Duarte Valão, filha única de um comerciante abastado e seu amor por Rafael Abrantes, um homem charmoso e aventureiro . Porém, como diz a sinopse, o que a moça não contava é que o aristocrata Atílio Santiago, o Conde de Assis, está perdidamente apaixonado por ela, formando um intrigante triângulo amoroso que mudará radicalmente a vida de todos os envolvidos. Após entregar-se a Rafael e ser por ele desprezada, Lorena iniciará um plano de vingança para destruir o homem que a rechaçou, nem que para isso ela tenha que mentir, trair ou até mesmo matar... O cenário se passa no Brasil Imperial e sua retratação repassa ao leitor uma visão pura das descrições costumes da época, onde as mulheres deveriam se preocupar mais em arranjar bons maridos.

Rio de Janeiro. Século XIX. Lorena Duarte Valão é uma jovem de extraordinária beleza e cheia de ideais romanescos que deseja a qualquer preço ascender socialmente. No grande baile do Cassino Fluminense, após reencontrar-se com o galanteador Rafael Abrantes, nasce uma paixão que acabará por consumir essa ambiciosa arrivista no intuito de conquistá-lo.
Super tenho vontade de ler o livro. Ele é daquele tipo que chama nossa atenção por tudo. O que vocês acharam dele?



Fonte da Imagem/Capa: Divulgação do Livro

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Atributos de Verão. Tecnologia do Blogger.